No dia do não de Louzer ao Cruzeiro, Chapecoense vence CRB e vira vice-líder da Série B

No dia em que Umberto Louzer anunciou a permanência após recusar uma proposta do Cruzeiro, a Chapecoense deu um presente ao treinador com a vitória sobre o CRB, por 1 a 0, no Estádio Rei Pelé, em partida atrasada da nona rodada da Série B do Campeonato Brasileiro disputada na noite dessa quarta-feira (14).

Invicta há 11 jogos na temporada, a Chapecoense chegou aos 29 pontos e passou a Ponte Preta, assumindo a vice-liderança. O time catarinense está a três do líder Cuiabá, com 32, mas tem dois jogos a menos que o time do Mato Grosso. Por outro lado, o CRB conheceu a terceira derrota seguida e, com 20 pontos, está na 11ª colocação, cada vez mais distante da briga pelo acesso.

O time catarinense foi dirigido por Umberto Louzer que na noite anterior chegou a acertar sua dia para o Cruzeiro, porém, recuou da ideia após pressão dos dirigentes da equipe catarinense.

Mesmo atuando fora de casa, a Chapecoense foi melhor no primeiro tempo e só não conseguiu a vitória parcial porque Edson Mardden fez grandes defesas. E quando isso não aconteceu, a cabeçada de Luiz Otávio parou na trave.

Na etapa final, o jogo ficou mais truncado, mas a Chapecoense aos poucos foi tomando conta e até abrir o placar aos 30 minutos Hiago cruzou e Anselmo Ramon cabeceou sem chances para Edson Mardden. No último lance do jogo, o CRB só não empatou porque o chute de Hugo acertou o travessão.

Os dois times voltam a campo no próximo sábado, pela 16ª rodada. O CRB recebe o Operário, às 19 horas, no Rei Pelé, e a Chapecoense enfrenta o Vitória, às 16 horas, na Arena Condá, em Chapecó.

FICHA TÉCNICA:

CRB 0 x 1 CHAPECOENSE

CRB – Edson Mardden; Moacir, Gum, Reginaldo Júnior e Igor Cariús; Claudinei (Darlisson), Thiaguinho (Bill) e Carlos Jatobá; Diego Torres, Iago Dias (Hugo) e Safira. Técnico: Marcelo Cabo.

CHAPECOENSE – João Ricardo; Anderson Leite (Hiago), Joílson, Luiz Otávio e Busanello; Willian Oliveira, Evandro (Lima) e Denner (Lucas Tocantins); Felipe Garcia (Régis), Anselmo Ramon e Paulinho Moccelin (Perotti). Técnico: Umberto Louzer.

GOL – Anselmo Ramon, aos 30 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Moacir e Claudinei (CRB); Evandro e Hiago (Chapecoense).

ÁRBITRO – Jonathan Antero Silva (RO).

RENDA E PÚBLICO – Jogo sem torcida.

LOCAL – Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*