Grupo armado sequestra trem no Rio de Janeiro para fugir de operação policial

Um grupo com 10 homens armados rendeu dois maquinistas dos trens da SuperVia, no Rio de Janeiro, na manhã desta segunda-feira (19), ordenando que os levasse em uma composição até a estação Mangueira, na zona norte da cidade.

De acordo com o Bom Dia Rio, da TV Globo, o trem fazia vistoria da rede aérea na região da estação Jacarezinho, onde acontecia uma operação da Policia Militar. Por se tratar de uma composição de manutenção, o vagão estava parado estava parado próximo da estação Triagem.

Após acessar a linha férrea, os criminosos abordaram os dois maquinistas e ordenaram que a composição seguisse até perto da região da Mangueira. Por lá, segundo jornal, o grupo desembarcou do trem e deixou o sistema ferroviário pela própria linha férrea.

Desde o começo desta segunda-feira (19), a Polícia Militar faz uma operação na Favela do Jacarezinho, na Zona Norte. Segundo a plataforma Fogo Cruzado, que monitora a violência armada no Rio de Janeiro, há relatos de tiros e de bombas.

Por causa dos tiros, segundo TV Globo, a circulação de trens no ramal de Belford Roxo está suspensa desde as 5h.

Após o ocorrido, o Grupamento de Policiamento Ferroviário (GPFer) foi acionado após tomar conhecimento do fato e os funcionários da SuperVia precisaram seguir para a Central do Brasi, onde receberam atendimento psicológico. Ninguém ficou ferido.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*