América vence Guarani em Campinas e fica muito perto de garantir acesso à Série A

O América superou a eliminação nas semifinais da Copa do Brasil, no meio da semana, e conseguiu uma grande vitória sobre o Guarani, em Campinas, ao bater o Bugre por 1 a 0, na noite deste sábado, no estádio Brinco de Ouro. Mesmo desperdiçando boas chances para vencer com mais tranquilidade, o Coelho segurou a pressão do time paulista e ficou mais perto do acesso à Série A do Campeonato Brasileiro. A distância para o quinto colocado é de 12 pontos faltando seis rodadas (18 pontos) para o fim da Série B.

Rodolfo foi o herói do América e marcou o gol da vitória aos 13 minutos do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio, Alê desviou de cabeça e o centroavante americano, sem marcação, se jogou na bola e empurrou para o fundo das redes.

Muito perto do acesso e também sonhando com o título, o América assumiu a liderança provisória da Série B, com 63 pontos, um a mais que a Chapecoense, que entra em campo neste domingo, às 16h, contra o Brasil de Pelotas, na Arena Condá. Um empate mantém o Coelho na primeira colocação ao fim da rodada nos critérios de desempate, já que o time comandado por Lisca tem uma vitória a mais que a Chape (18 contra 17).

Já o Guarani, com a derrota, se distanciou um pouco do G4. O Bugre segue na sexta posição, com 47 pontos, quatro atrás do CSA, que venceu na rodada e assumiu a quarta colocação.

O América volta a campo no próximo sábado (9), às 19h, quando recebe o Vitória, no Independência, pela 33ª rodada da Série B. O Guarani terá pela frente o clássico de Campinas contra a Ponte Preta, na terça-feira (5), às 19h15, no Brinco de Ouro.

O jogo

O América começou bem a partida e abriu o placar logo aos 13 minutos de jogo com Rodolfo. Após cobrança de escanteio, Alê desviou de cabeça e o centroavante americano, sem marcação, se jogou na bola e empurrou para o fundo das redes.

O Guarani teve a chance de empatar ainda na etapa inicial em uma cabeçada da Matheus Souza, de frente para o gol, mas que foi para fora.

Pelo lado do Coelho, Felipe Augusto também desperdiçou uma boa oportunidade para ampliar ao receber na área passe de Zé Ricardo. No entanto, o atacante americano chutou em cima do goleiro Gabriel Mesquita.

Na etapa final, o Bugre voltou assustando e quase empatou. Waguininho, que tinha acabado de entrar no jogo, pegou rebote e carimbou o travessão do América.

Felipe Augusto, mais uma vez, teve outra chance, ainda mais clara para marcar o segundo gol do América e dar mais tranquilidade ao América no jogo, mas perdeu de novo. O atacante recebeu em velocidade, saiu cara a cara com Gabriel, mas bateu em cima do goleiro, assim como no primeiro tempo.

Mas os gols perdidos por Felipe Azevedo não fizeram falta para o América, que conseguiu segurar o resultado, apesar da pressão do Guarani nos minutos finais.

Guarani 0 x 1 América

Guarani: Gabriel Mesquita; Cristovam (Waguininho), Walber, Didi e Bidu (Eliel); Bruno Silva (Arthur Rezende), Lucas Crispim e Murilo Rangel (Rickson); Matheus Souza (Rafael Costa), Pablo e Renanzinho. Técnico Felipe Conceição

América: Matheus Cavichioli; Daniel Borges, Messias, Anderson e Sávio; Zé Ricardo, Juninho e Alê (Marcelo Toscano); Felipe Augusto (Geovane), Ademir (Léo Passos) e Rodolfo (Neto Berola). Técnico Lisca

Motivo: 32ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.
Data: 02 de janeiro de 2021, sábado, às 21h
Local: Estádio Brinco de Ouro, em Campinas (SP)

Gol: Rodolfo (13’/1º)

Cartão Amarelo: Nenhum

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Auxiliares: Michael Correia (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*