Minas recebe do Ministério da Saúde nova remessa de sedativos do ‘kits de intubação’

O Governo de Minas recebeu na tarde deste sábado (10) uma nova remessa de sedativos, bloqueadores neuromusculares, usados para intubação de pacientes infectados pela covid-19. Como Minas está em “nível não recomendável para enfrentamento da pandemia”, de acordo com o próprio estado, as 15 mil ampolas chegaram em boa hora.

Os produtos foram encaminhados pelo Ministério da Saúde e estão armazenados no almoxarifado da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG).

Conforme o governo estadual, os medicamentos vão ser encaminhados para 68 hospitais que estão com menos de três dias de cobertura. Entre os medicamentos estão o Besilato de Cisatracurio e o Brometo de Rocurônio.

A SES-MG afirmou ainda que, juntamente com o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Minas Gerais (COSEMS), realiza levantamento periódico dos estoques dos prestadores e fornecedores de medicamentos e insumos das unidades hospitalares.

A pasta diz ainda que é feito o acompanhando e monitorando 24 horas do abastecimento de medicamentos nas redes públicas e privadas de assistência médico-hospitalar, que devem informar, regularmente à SES-MG, sobre o quantitativo de estoques de medicamentos e insumos disponíveis.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*