Dois servidores da Prefeitura de Fruta de Leite morrem em acidente com carreta dos Correios na BR-251, em Salinas

Dois servidores da Prefeitura de Fruta de Leite morreram em um acidente envolvendo uma carreta dos Correios na BR-251, em Salinas, na noite desse domingo (23). Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o carro da Prefeitura e a carreta bateram de frente na altura do KM-310 no Anel Rodoviário de Salinas. A perícia esteve no local e as causas do acidente serão investigadas.

Por telefone, o secretário de saúde do município, Elislânio Flávio Barbosa, informou ao G1 que o motorista, Renailson da Silva Rodrigues, de 32 anos, se deslocou de Fruta de Leite para buscar a auxiliar de serviços gerais, Marlene Barbosa da Silva, de 58 anos, que estava fazendo um procedimento médico em Taiobeiras. O acidente aconteceu no retorno para o município.

Renailson era servidor efetivo da Prefeitura desde 2018 e Marlene fazia parte do quadro de funcionários efetivos há 13 anos. O município decretou luto oficial de três dias.

O corpo do motorista ficou preso às ferragens e precisou ser retirado por uma equipe dos bombeiros de Salinas. Segundo o sargento Jhonson Ribeiro, o carro ficou destruído com o impacto da batida e as duas vítimas morreram no local.

“Foi uma colisão muito forte, o carro encolheu e o motor veio pra frente prendendo as pernas dele. O teto e a porta do lado do motorista foram arrancados. Usamos técnicas para alongar o motor e retirá-lo de cima dele”.

 

Carreta dos Correios caiu em um barranco após a batida — Foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação

Carreta dos Correios caiu em um barranco após a batida — Foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação

Ainda de acordo com os bombeiros, após a batida a carreta dos Correios caiu em um barranco de aproximadamente cinco metros.

O motorista, de 40 anos, conseguiu sair do veículo com ajuda de outros caminhoneiros e foi atendido pelo Samu. De acordo com a assessoria, ele foi levado para o hospital de Salinas com escoriações e suspeita de luxação no ombro. Outros dois ocupantes da carreta foram atendidos no local e recusaram transporte para o hospital.

Os corpos das duas vítimas fatais foram levados para o Instituto Médico Legal de Montes Claros e ainda não foram liberados.

Em nota, os Correios lamentaram o ocorrido e informaram que o veículo envolvido na ocorrência é da frota terceirizada.

“Logo após o acidente, foram acionados os órgãos de segurança pública. A estatal segue colaborando com as investigações e a empresa contratada está acompanhando o caso”, diz a nota.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*