Reservatório d’água de posto de combustíveis cede e atinge casa em Francisco Sá

Um reservatório d’água de aço com cerca de 15 metros de altura cedeu e atingiu uma casa, em Francisco Sá, no Norte de Minas, na noite dessa terça-feira (20). Quatro moradores sofreram ferimentos leves.Reservatório d’água de posto de combustíveis cede e atinge casa em Francisco Sá

Segundo o Corpo de Bombeiros, o reservatório pertencia a um posto de combustíveis que fica ao lado da casa e estava com 10 mil litros de água.

“A parte de cima é soldada no cilindro e foi esta parte que se soltou e caiu. Cerca de seis mil litros de água estavam armazenados nesse espaço que cedeu e a casa foi alagada. Foi destruído um dos quartos e parte do muro e do telhado”, explicou o sargento Erico Soares Braga.

 

Um dos quartos da casa ficou destruído — Foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação

Um dos quartos da casa ficou destruído — Foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação

Um casal estava no quarto e os dois filhos, de 17 e 27 anos, na sala quando aconteceu o incidente. Segundo o sargento, o homem, de 53 anos, estava deitado ao lado da parede que desabou.

“A parede era praticamente ao lado da caixa, o morador foi atingido e ficou debaixo dos escombros. Ele nasceu de novo. A esposa se preparava para deitar quando escutou um estrondo, ela também foi atingida pelos escombros”, disse o sargento.

 

Parte do telhado da casa ficou danificado — Foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação

Parte do telhado da casa ficou danificado — Foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação

O homem foi retirado por vizinhos antes da chegada dos bombeiros. Segundo o militar, ele sofreu escoriações e traumatismo craniano leve, e foi levado para a UPA de Francisco Sá. A esposa e os dois filhos foram atendidos no local e não precisaram de atendimento médico.

A residência foi isolada até que seja feita uma vistoria e a família foi para casa de parentes. De acordo com os bombeiros, por conta da inundação eles perderam eletrodomésticos e vários objetos. As causas do incidente não foram identificadas.

G1 entrou em contato com o posto de combustíveis e aguarda um retorno.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*