Bolsonaro reafirma que vai apresentar nesta quinta-feira provas de fraudes nas eleições

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) promete apresentar nesta quinta-feira provas de supostas fraudes no segundo turno das eleições de 2014, que terminou com vitória apertada de Dilma Rousseff  (PT) sobre Aécio Neves (PSDB).

Bolsonaro também suspeita que houve fraude nas eleições de 2018, vencidas por ele. O presidente diz ter sido eleito no primeiro turno e não no segundo, como aponta o resultado oficial. Conforme Bolsonaro, as provas serão exibidas durante transmissão nas redes sociais dele a partir das 19h desta quinta-feira.

O presidente disse a apoiadores que ainda faltam dados, supostamente, não entregues pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Mesmo assim, diz ser possível demonstrar a ocorrência de fraudes com o material que tem em mãos.

Bolsonaro também questiona a segurança das urnas eletrônicas e diz que o sistema, implantado no país em 1996, está desatualizado.

Apesar das acusações do presidente, o TSE destaca que a urna eletrônica é usada há 25 anos sem nenhum registro de fraude. Ressalta também que o atual sistema pode auditado antes, durante e depois das eleições.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*